Projeto Tetear oferece atividades culturais para crianças e adolescentes no contraturno escolar

(Foto: divulgação/Tetear)

Crianças e adolescentes de Campo Largo, com idade entre 7 e 17 anos, têm a oportunidade de desenvolver diferentes habilidades culturais no horário de contraturno escolar.  O projeto Tetear – Tempo de Temperar Arte oferece atividades que incluem aulas de circo, percussão, dança de rua, dança moderna e artes plásticas. A iniciativa é da produtora Parabolé Educação e Cultura, em parceria com o Ministério da Cultura.

Segundo o diretor pedagógico da Parabolé, com o projeto o número de alunos que desenvolve atividades no contraturno nas escolas aumenta.

Em 2018, 11 instituições estão sendo contempladas e recebem as oficinas do Tetear nos períodos da manhã e da tarde. Entre elas estão seis escolas municipais, um instituto federal e quatro projetos sociassistenciais ligados à prefeitura. O projeto está no sétimo ano e atende atualmente mais de 500 alunos.

Nélio destaca que a iniciativa é uma forma de manter atividades para os alunos fora do horário de aula mesmo com um corte de recursos aplicados para este fim, feito neste ano.

O Tetear conta com apoio da Secretaria Municipal de Educação de Campo Largo, que recebe as ações sem nenhum ônus financeiro. O projeto é viabilizado por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e conta com patrocínio das empresas Caterpillar e Cocel.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*