Redução de comissionados não deve reduzir gastos da Câmara

A redução que deve ser feita de praticamente metade do número de comissionados da Câmara Municipal de Curitiba não deve necessariamente reduzir os gastos da casa. A afirmação é do segundosecretário da câmara, Caíque Ferrante (PRP). Isso porque, segundo ele, cada vereador tem uma verba orçamentária e esse valor é distribuído entre os comissionados. O valor dessa verba, que é de cerca de 44 mil reais por mês, não deve mudar.

Hoje a Câmara divulgou os dados do recadastramento do número de funcionários da casa. O relatório apontou que o quadro de servidores concursados da câmara é de 347 cargos. Atualmente 236 deles estão ocupados. Com relação aos comissionados, hoje o quadro é composto por 562 cargos, 507 deles estão ocupados atualmente. Agora a câmara terá que seguir uma recomendação do Ministério Público do Paraná que pede que o número de comissionados não ultrapasse o número de concursados. Com isso 204 comissionados devem ser demitidos.

O relatório apresentado hoje também mostrou que 78 servidores comissionados estavam em desvio de função, ou seja, estavam lotados em um setor e prestavam serviço em outro.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*