Seguranças do James Bar agem com violência

Um cliente do James Bar denuncia que os seguranças do estabelecimento agem com violência. Na madrugada do último domingo, um jovem de 18 anos teria sido espancado pelos profissionais. Ele está internado em estado gravíssimo e corre o risco de ter que amputar a perna. O estudante Rodolfo Tazoniero, que frequenta o bar há quase três anos, afirma que é comum casos em que os seguranças tratam mal os clientes.

O advogado do bar, Eduard Carvalho, nega que o jovem de 18 anos tenha sido espancado. Ele defende que o rapaz teria se machucado enquanto corria dos seguranças.

Já o advogado da família do jovem, Edson Rangel, afirma que os seguranças teriam aplicado um golpe conhecido como mata leão no cliente.

O caso é investigado pelo terceiro distrito policial. Imagens das câmeras de segurança do bar vão ser encaminhadas hoje  à polícia.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*