Sem resgate de contribuintes, Nota Paraná já teve mais de R$ 230 milhões devolvidos

(Foto: divulgação/Nota Paraná

Sete milhões de contribuintes têm créditos do Nota Paraná para receber e ainda não são cadastrados no programa. Somente 2 milhões e 100 mil pessoas têm cadastro no site, mas cerca de 9 milhões de pessoas emitiram notas fiscais com o número de CPF desde que o programa foi criado, em 2015. Só é possível resgatar os valores gerados a partir das notas após o cadastro no sistema.

O crédito expira em 16 meses após a data da compra. A coordenadora do programa, Marta Gambini, explica que muitas vezes o consumidor emite nota com CPF e não sabe. É o caso de compras feitas online, por exemplo.

O programa retorna aos contribuintes parte do valor do Imposto de Contribuição sobre Mercadorias e Serviços (ICMS). Desde que foi lançado, o Nota Paraná já devolveu R$ 952 milhões de reais. 25% desse valor retornou ao governo após expirar, pela falta de procura do contribuinte.

Quem emitiu notas fiscais com o número do CPF em março de 2017, tem até o mês que vem para se cadastrar e resgatar o dinheiro. Além do valor gerado com base no valor de compra e arrecadação, é possível que o contribuinte tenha até mesmo bilhetes premiados, de sorteios feitos mensalmente. Para saber se tem dinheiro aguardando resgate, é só se cadastrar no site: https://notaparana.pr.gov.br.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*