Serviço Alerta Geada 2017 já está em operação

Foto: Divulgação/ IAPAR

Foto: Divulgação/ IAPAR

O outono ainda está longe de acabar, mas o Alerta Geada 2017 já está em operação. O serviço foi habilitado hoje (terça, 16) e segue ativo até o fim do inverno, em 22 de setembro. Mantida pelo Iapar, o Instituto Agronômico do Paraná, e pelo Simepar, Sistema Meteorológico do Paraná, a iniciativa emite previsões para ajudar principalmente produtores rurais na prevenção e redução de perdas agrícolas. E basta que o Simepar indique a condição favorável para a formação de geadas para que o Iapar interprete as informações e dispare alertas por e-mail, mensagens de texto, na imprensa e também via redes sociais.

O Paraná tem aproximadamente 50 mil hectares de lavouras de café – o tipo de cultura mais vulnerável à geada. A maioria é cultivada por pequenos produtores familiares e tem em média 10 hectares. A meteorologista Ângela Beatriz Costa, do Simepar, fala sobre as vantagens do serviço.

Ela explica que outros setores da economia também são beneficiados, como a produção de hortaliças e até o turismo.

Desde que foi lançado, há 23 anos, o Alerta Geada nunca registrou erros na detecção desse tipo de evento, conforme os órgãos responsáveis. Os avisos são emitidos sempre com até 24 horas de antecedência. As previsões podem ser acessadas por meio de um ícone específico nos sites do Iapar e do Simepar, e serviço também funciona pelo telefone: (43) 3391-4500, ao custo de uma ligação para aparelho fixo.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*