Em resposta a um pedido da defesa do ex-deputado Eduardo Cunha, Moro afirma que não foi parcial ao julgar o réu

O juiz Sérgio Moro negou um pedido de exceção de suspeição feita pelo ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha. A defesa do réu – condenado na Lava Jato a 14 anos e meio – encaminhou à Justiça uma lista de motivos que tornariam Moro suspeito de parcialidade para julgar. Entre as razões apontadas estaria a de […]