“Tartarugas” serão instaladas em cruzamentos para evitar acidentes

Tartarugas serão instaladas em pelo menos quatro cruzamentos de Curitiba para tentar reduzir o número de acidentes. Elas serão colocadas na Alameda Princesa Izabel esquina com a Presidente Taunay, na Alameda Júlia da Costa com a Desembargador Motta, na Desembargador Motta com a Princesa Isabel, e no cruzamento da Santa Madalena Sofia Barat com a José Zgoda, na saída da trincheira do Bairro Alto. Desde julho do ano passado, as tartarugas deixaram de ser instaladas em Curitiba e algumas foram retiradas das ruas a pedido do Ministério Público. Segundo uma resolução do Departamento Nacional de Trânsito, o Denatran, esse tipo de material não pode ser usado como forma de reduzir a velocidade dos motoristas. No entanto, nesta semana mais uma reunião foi feita entre a Prefeitura de Curitiba e o Ministério Público, que autorizou novamente a instalação como forma de teste, por 30 dias. O secretário municipal de trânsito, Marcelo Araújo, afirma que desde que as tartarugas foram retiradas dos cruzamentos, o número de acidentes aumentou.

Caso o teste dê certo e o número de acidentes reduza nos cruzamentos com tartarugas, os equipamentos podem ser colocados em outras regiões da cidade.

A instalação das tartarugas deve começar em uma semana.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*