TCE indica falta de investimentos no destino do lixo no PR

Auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado mostra que são necessários investimentos no sistema que gerencia a destinação do lixo urbano em todo Paraná. É preciso contratar mais funcionários e melhorar a estrutura do serviço. Durante os meses de agosto e novembro do ano passado o TCE esteve em 90 municípios que recebem lixo de 136 cidades do estado. A coordenadora da auditoria, Adriana Domingos, explica que já foram recomendadas mudanças ao Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e que agora um plano de ação para adequação vai ser lançado. Uma das conclusões a que chegou a auditoria foi sobre a necessidade de contratação de novos funcionários para gerir todo o sistema. A coordenadora explicou, por exemplo, que daqui 4 anos cerca de 40% dos trabalhadores vão estar aposentados. Mas a necessidade de contratação é para agora, já que muitos dos servidores têm acumulo de função. A auditoria não encontrou irregularidades ambientais na destinação do lixo em todo Paraná.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*