Testemunhas de acusação de ação envolvendo Palocci, Lula e Oderbrecht são ouvidos nesta semana

Durante a semana que vem, nos dias, 22, 24 e 26 serão ouvidas na Justiça Federal em Curitiba as testemunhas de acusação na ação penal que envolve o ex-ministro Antonio Palocci Filho, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht além de outros seis réus acusados de lavagem de dinheiro.

Nesta ação penal é investigada a compra de um terreno, pela Odebrecht, que seria destinado à construção de uma nova sede para o Instituto Lula. Os procuradores também incluem na denúncia a compra de um apartamento vizinho ao local onde o petista mora, em São Bernardo do Campo (SP).

Serão ouvidas na dez testemunhas, entre elas estão o ex-presidente da Camargo Correa, Dalton Avancini; o ex-diretor de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa; o ex-gerente de serviços, Pedro Barusco, e o ex-diretor da área internacional da estatal, Nestor Cerveró.

Os depoimentos estão agendados para às 14h e seguem até o início do mês que vem, nos dias 5 e 7 de junho, quando serão ouvidas mais cinco testemunhas de acusação, entre elas os executivos da Odebrecht,  Emilio Odebrecht e Hilberto Mascarenhas.

Depois de ouvidas as pessoas indicadas pelos procuradores, a Justiça Federal passa a colher os depoimentos das testemunhas de defesa. Foi neste processo em que o ex-presidente Lula indicou 87 pessoas para depor. A ação tem, ao todo, nove réus.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*