Todos os dias, 5 pessoas morrem e 130 ficam feridas no trânsito paranaense

Foto: Divulgação Detran PR

Cinco mortos, centro e trinta feridos. Esse é o saldo negativo do trânsito paranaense todos os dias. Os dados divulgados pelo Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) alertam para uma triste realidade do Brasil – o país aparece em quinto lugar entre os recordistas em mortes no trânsito, atrás da Índia, China, Estados Unidos e Rússia. Segundo o Ministério da Saúde, só em 2015, foram registradas 38.651 mortes em acidentes de trânsito no país. No próximo dia 19, terceiro domingo do mês de novembro, é o Dia Mundial em Memória às Vítimas de Trânsito, instituído pela Organização das Nações Unidas. A partir desta quinta, o Detran Paraná vai homenagear as vítimas paranaenses e chamar a atenção para o cuidado com a vida nas ruas e rodovias. A chefe de Divisão de Programas Educativos para o Trânsito do Detran – PR, Caroline Andreatta, conta como a ação deve ocorrer em diversos pontos da cidade.

As atividades ocorrerão das onze e meia da manhã a uma e meia da tarde. E no domingo, a programação deve ser intensificada no Parque Barigui.

Mais do que homenagear as vítimas, a iniciativa quer gerar conscientização de motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres. Reforçando a responsabilidade, direitos e deveres de cada um no trânsito.

A programação começa na quinta-feira, dia 16 e segue até domingo, dia 19 de novembro. A participação nas atividades é gratuita.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*