Tribunal de Justiça acata ação civil contra prefeito de Terra Rica por improbidade administrativa

O Tribunal de Justiça acatou ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o prefeito de Terra Rica (noroeste do Estado), Devalmir Molina Gonçalves, e outras oito pessoas físicas e jurídicas. No final de 2009, a administração  municipal decidiu abrir licitação para contratar uma empresa de recolhimento de entulhos de construções, na cidade de Terra Rica e no Distrito de Adhemar de Barros. De acordo com o Ministério Público, a empresa que venceu estava “previamente definida” pela prefeitura e seria de propriedade das filhas e da nora de um vereador, suposto aliado político do prefeito. Por isto, a promotoria pede que a Justiça decrete a indisponibilidade de bens do prefeito e dos demais envolvidos na disputa e decrete a nulidade da licitação.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*