Triplex atribuído a Lula é arrematado em lance único de R$ 2,2 milhões

Foto: reprodução/Marangonii Leilões

O triplex do Guarujá, no litoral paulista, que levou à condenação e prisão do ex-presidente Lula, foi vendido terça-feira (15) por dois milhões e duzentos mil reais depois que o imóvel foi a leilão.

O pregão terminou as duas horas da tarde e teve apenas um lance cinco minutos antes de acabar o prazo. O interessado, identificado no site oficial do leilão apenas como “Guarujapar”, apresentou a oferta mínima para arrematar o apartamento.

O lance, segundo o leiloeiro do caso, foi feito por uma pessoa física ou jurídica do Distrito Federal, mas os dados do usuário não foram revelados. O comprador precisa arcar ainda com mais 5% sobre o valor do lance, que é a comissão do leiloeiro, além de uma dívida de 47 mil e duzentos reais, referente a taxa de condomínio do apartamento.

De acordo com Afonso Marangoni, responsável pelo leilão, o vencedor terá 72 horas para fazer o pagamento.

De acordo com Afonso Marangoni, outro lance de dois milhões e duzentos mil reais havia sido feito ontem (14), mas o usuário informou que fez a oferta equivocadamente. O leiloeiro avisou o ocorrido ao juiz Sérgio Moro, que autorizou o cancelamento do lance.

Mais de 55 mil pessoas visitaram a página oficial do leilão, apenas por curiosidade, sem apresentar lances. A cobertura tríplex tem 297 metros quadrados e foi leiloada por ordem do juiz federal Sergio Moro. O valor arrecadado na venda será devolvido aos cofres públicos.

O imóvel conta com quatro dormitórios, duas suítes, piscina, churrasqueira, duas vagas de garagem e elevador privativo. Lula foi condenado a doze anos e um mês de prisão no caso do Triplex do Guarujá e, atualmente, cumpre pena na sede da Polícia Federal, em Curitiba. Nesta ação penal, o petista é acusado de receber o imóvel no litoral de São Paulo como propina dissimulada da construtora OAS para favorecer a empresa em contratos com a Petrobras. O ex-presidente nega as acusações e diz nunca ter sido proprietário do apartamento.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*