Vacina BCG tem cronograma temporário de aplicação em Curitiba

Curitiba tem menos postos de saúde com a vacina BCG neste início de ano. A partir dessa terça-feira (6), apenas 14 das 109 unidades de saúde vão ofertar a dose em dias específicos da semana. A decisão, segundo a prefeitura, é para otimizar as vacinas, que estão escassas. O Ministério da Saúde estaria finalizando o período de análise de lotes comprados de um novo fornecedor.

A BCG, que protege contra a tuberculose e é indicada em dose única, faz parte do calendário vacinal das crianças. Até este ano, todos os postos de saúde de Curitiba ofereciam a vacinação, em dias específicos.

O diretor do Centro de Epidemiologia, da Secretaria Municipal de Saúde, Alcides Oliveira, explica que a falta da vacina BCG em várias unidades da capital se deve à redução do repasse do produto pelo Ministério da Saúde.

Segundo a prefeitura, a centralização dos frascos em postos de saúde estratégicos para a vacinação em dias e horários pré-determinados vai garantir as doses para as crianças até que os novos lotes sejam recebidos.

Em Curitiba, a vacina é habitualmente aplicada no primeiro mês de vida, mas pode ser feita depois. A população prioritária para receber a dose é de crianças de até um ano de idade. Mas ela pode ser tomada com a mesma eficácia de proteção até os 4 anos.

O cronograma com informações de dias e horários que cada posto deve realizar a vacinação da BCG em Curitiba está disponível no site da prefeitura, o curitiba.pr.gov.br.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*