Velocidade máxima no binário Mateus Leme/Nilo Peçanha reduz para 50km/h

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Os motoristas que utilizam o binário composto pelas ruas Mateus Leme e Nilo Peçanha devem trafegar na velocidade máxima de 50 quilômetros por hora. Nos últimos dias novas placas foram instaladas na região para orientar os motoristas. Os trechos perto de escolas vão continuar com velocidade máxima permitida de 30 quilômetros por hora e em algumas quadras onde há mais pedestres, o limite é de 40 quilômetros por hora. Fora desses trechos, o limite de velocidade era de 60 quilômetros por hora. A diminuição da velocidade é uma recomendação do Conselho Nacional de Trânsito. Segundo a superintendente de trânsito de Curitiba, Rosângela Battistella, agentes da Setran orientam o trânsito, já que neste momento os motoristas não vão ser multados se estiverem até 60 quilômetros por hora.

Ela afirma que o trecho de curva do binário ainda é muito perigoso e causa alto número de acidentes.

Agentes da Setran têm desenvolvido um trabalho de fiscalização com radares estáticos – aparelho acoplado a um tripé – em diversos pontos da cidade, para verificar a obediência do motorista aos limites de velocidade regulamentados. Esse serviço se estenderá, também, ao binário Mateus Leme/Nilo Peçanha.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*