ParanáGeral

Forças de segurança prendem 24 pessoas do crime organizado 

Quadrilha era investigada após tentativa de assalto à transportadora de valores, em Guarapuava

 Forças de segurança prendem 24 pessoas do crime organizado 

Foto: Leo Coelho

A operação das policias do Paraná prendeu 24 pessoas, apreendeu 17 armas de fogo e resultou na morte de oito suspeitos de envolvimento com o crime organizado. De todas as prisões, 17 delas aconteceram na manhã desta terça-feira (20), assim como a apreensão de 10 armamentos de diversos calibres na mesma data. Das mortes em confronto com a PM, três delas aconteceram somente nesta terça-feira. As ações foram durante o cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão, contra o crime organizado.

A quadrilha investigada nos últimos cinco meses é suspeita de envolvimento com a tentativa de assalto a uma transportadora de valores, em Guarapuava, na região central do Paraná, em abril de 2022. À época do crime, um policial militar acabou morto em confronto com os indivíduos. Para o secretário de Segurança do Paraná, Wagner Mesquita, era uma questão de honra dar essa resposta à sociedade

Ao todo, três inquéritos policiais foram instaurados. Os envolvidos devem responder pelos crimes de organização criminosa, latrocínio, incêndio e explosão, porte ilegal de arma de fogo e explosivo, dano qualificado, receptação, sequestro e cárcere privado. A operação aconteceu ao mesmo tempo nos estados do Paraná, São Paulo e Santa Catarina.

As ações contaram com cerca de 700 policiais, entre militares, civis e da Polícia Científica do Paraná e São Paulo. O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Hudson, destacou a importância da integração das forças policiais para combater o crime organizado, ainda mais dessa quadrilha especializada em assaltos dessa natureza

A investigação apontou que a maioria dos envolvidos tinha extensa ficha criminal e era envolvida com diversos outros crimes em várias regiões do país. Além disso, de acordo com o delegado-geral da Polícia Civil do Paraná, Silvio Jacob Rockembach, os suspeitos ostentavam uma vida luxuosa, com carros, motos, barcos, casas e outras postagens em redes sociais. Dos procurados, ainda há três foragidos

Na noite do dia 17 de abril, diversos criminosos fecharam os acessos da cidade de Guarapuava e fizeram pessoas de reféns e escudo humano. Os indivíduos ainda atearam fogo em seis veículos e estavam com armamento exclusivo das forças armadas. Eles não conseguiram chegar até o cofre da transportadora, mas, no confronto com os policiais que estavam saindo do 16º Batalhão de Polícia Militar de Guarapuava, balearam dois militares. Um deles morreu na ocasião. 

Reportagem por Leo Coelho

Band News Curitiba - 96,3 FM

A BandNews Curitiba está na cidade desde 2006. A emissora caiu no gosto do curitibano e, atualmente, está entre as dez rádios mais ouvidas da cidade.

Morango do Norte Pioneiro recebe Indicação Geográfica de Procedência

Morango do Norte Pioneiro recebe Indicação Geográfica de Procedência

IG reconhece qualidade do morango da Associação Norte Velho que inclui cultivo sustentável

Prazo para inscrições no Vestibular da UEM termina hoje (5)

Prazo para inscrições no Vestibular da UEM termina hoje (5)

São ofertadas 2.366 vagas em mais de 70 cursos de graduação

Venda de veículos cresce 6,7% no Paraná

Venda de veículos cresce 6,7% no Paraná

Entre janeiro e setembro desse ano foram vendidos 13.116 veículos

Polícia apreende maconha escondida em tubos de PVC

Polícia apreende maconha escondida em tubos de PVC

Foram mais de 1,5 mil kg na região oeste do Estado