CuritibaGeral

9,3% da população de Curitiba possui diagnóstico de diabetes

Os pacientes com Diabetes Tipo 2 deverão perder peso para evitar avanço da doença

 9,3% da população de Curitiba possui diagnóstico de diabetes

Foto: Jakub Cejpek

Em Curitiba, a última Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas (Vigitel), do Ministério da Saúde, aponta que 9,3% da população possui diagnóstico de diabetes. Os dados da pesquisa revelam também que a doença afeta mais as mulheres (10,3%) do que os homens (8,1%). Já os índices de obesidade na capital paranaense são ainda mais alarmantes. Cerca de 22,6% da população, ou seja, uma em cada cinco pessoas, está convivendo com a obesidade. O excesso de peso e a obesidade têm sido apontados como os principais fatores de risco para complicações causadas pelo Diabetes Tipo 2 nos últimos anos. Agora, uma nova diretriz das sociedades americana e europeia de diabetes, divulgada em junho, propõe que a perda de peso seja priorizada para controlar o avanço do diabetes e não mais apenas o controle do índice glicêmico em primeiro lugar. Isso é o que explica o médico e cirurgião especialista em cirurgia bariátrica e metabólica, José Alfredo Sadowski.

A decisão das entidades internacionais está embasada em um estudo publicado no The Lancet, uma das mais importantes revistas científicas do mundo, que apontou um efeito importante no controle do diabetes tipo 2, induzindo a remissão em grande e melhora considerável do estado metabólico dos pacientes, a partir de uma perda de 15% de peso. O Diabetes Tipo 2 é responsável por 90% dos casos da doença no mundo e está diretamente relacionado ao excesso de peso. Em casos graves e sem controle, a doença pode causar neuropatia diabética, problemas arteriais, doença renal, perda da visão, amputações entre outras consequências.

carolina.genez

5G funcionará em 25 capitais até o final de agosto

5G funcionará em 25 capitais até o final de agosto

A responsabilidade é das operadoras em ativar o serviço até o final do mês

Curitiba registra 296 casos e duas mortes pela Covid-19

Curitiba registra 296 casos e duas mortes pela Covid-19

As vítimas são um homem e uma mulher, de 93 e 88 anos, respectivamente

Em ação reforçada, FAS acolhe 1287 pessoas  

Em ação reforçada, FAS acolhe 1287 pessoas  

As ações foram reforçadas devido às chuvas e o frio que atingiu a capital paranaense