Câmara de Londrina suspende sessão que poderia cassar vereadores suspeitos de quebra de decoro parlamentar

Foto: divulgação/Câmara Municipal de Londrina)

A Câmara de Londrina suspendeu nessa segunda-feira a sessão de votação do relatório da Comissão Processante contra dois vereadores que são réus da Operação Zona Residencial 3. A comissão tinha dado parecer favorável a cassação dos vereadores Mário Takahashi (PV) e Rony Alves (PTB) por quebra de decoro parlamentar.

A operação investiga um esquema de cobrança de propina para alterar projetos de zoneamento urbano. Os vereadores são réus por organização criminosa e corrupção. A sessão foi suspensa pelos vereadores depois de uma determinação do Tribunal de Justiça. A determinação é que a comissão deve ouvir o vereador Mário Takahashi (PV) antes da votação. Os dois vereadores estão afastados das funções desde janeiro.

 Reportagem: Felipe Harmata

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*