Casal vai de bicicleta até o Chile para arrecadar doações para escola filantrópica

(Foto: Arquivo Pessoal)

Um casal de ciclistas vai pedalar mais de 3 mil quilômetros para ajudar uma escola de Curitiba. É a segunda edição da Cruzada da Solidariedade, que vai levar a dupla de Curitiba até Santiago do Chile, em 35 dias, a bordo de duas bicicletas. Cada quilômetro rodado pode ser patrocinado por doadores por meio da destinação do imposto de renda. A intenção é arrecadar cerca de 309 mil reais para viabilizar a reforma da Escola Mercedes Stresser, que oferece capacitação e atendimento a pessoas com deficiência intelectual.

Coronel aposentado da polícia militar, Antônio Ibanez Filho conta que a iniciativa surgiu com a intenção de chamar atenção para as necessidades da escola.

Ibanez pedala há dez anos e incluiu a esposa nas aventuras sobre duas rodas há nove. Os custos de manutenção das bicicletas, hospedagem, alimentação e passagens de volta devem ser arrecadados com uma vaquinha on line, à parte do valor recebido para as doações, e com a venda de camisetas no site do projeto. Eles estão prevendo gastar entre R$ 18 e 20 mil reais para fazer o trajeto. Empresas também estão patrocinando a iniciativa. Essa é segunda vez que o casal faz uma viagem com a intenção de ajudar uma instituição.

A primeira arrecadou recursos para uma associação no Mato Grosso do Sul, percorrendo o trajeto entre Campo Grande e Florianópolis.

O início da jornada está previsto para o dia 7 de novembro. Para ajudar a pagar a viagem ou contribuir com as arrecadações para a escola, é possível obter mais informações no site do projeto. O link para acesso é o http://www.ecobikeaventura.com.br/

Reportagem: Ana Flavia Silva

(Foto: Arquivo Pessoal)
(Foto: Arquivo Pessoal)