Casos de sarampo sobem de 45 para 80 e Saúde pede mais vacinas para Curitiba

Aumentaram de 45 para 80 os casos de sarampo em Curitiba, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. Apenas na Região Metropolitana da capital, são 98 ocorrências.  Em todo o Paraná, o número de casos de sarampo chega a 103. Os dados aparecem em uma nota, divulgada pela Secretaria estadual de Saúde, nesta quarta-feira (09). No documento enviado à imprensa, a entidade lembra que o boletim epidemiológico costuma ser divulgado apenas no dia seguinte (às quintas).

No entanto, a nota ressalta a necessidade de ampliação da cobertura vacinal em Curitiba. A Secretaria diz que notificou o Ministério da Saúde para que mais vacinas sejam direcionadas à capital, “buscando maior adesão do público infantil e da pouca visibilidade acerca do assunto pela administração municipal”, segundo a nota do Governo do Estado. A campanha de vacinação contra o sarampo segue pelas próximas duas semanas, destinada a crianças entre seis meses e cinco anos.

Depois, vão ser imunizados adultos entre 20 e 29 anos, nas duas últimas semanas de novembro. Segundo a Secretaria estadual de Saúde, houve um reforço de 34 mil doses para atender crianças a partir de nove meses e outras seis mil doses para bebês de seis a nove meses.

A nota divulgada à imprensa ainda ressalta que “a vacinação é feita pelas Unidades de Saúde nas cidades, cabendo ao Estado a distribuição e a logística de fornecimento das doses, encaminhados pelo Ministério da Saúde ao Paraná”.

Reportagem: Cleverson Bravo