Com cinco blocos de rodadas de perguntas e respostas, debate da Band TV permitiu 120 interações entre candidatos

(Foto: divulgação/Band TV Paraná)

Os seis candidatos ao governo do Estado que participaram do debate da Band nessa quinta-feira à noite aprovaram o formato que permitia que os políticos respondessem as perguntas de adversários sem limites de solicitação.

O formato permitiu 120 interações entre os candidatos.  O candidato Ratinho Junior (PSD) disse que o debate mostrou o perfil de cada candidato. Ele conversou com Felipe Harmata.

A governadora Cida Borghetti (PP) avaliou de forma positiva o formato do debate e disse que foi possível discutir os rumos para o Paraná.

O deputado federal João Arruda (MDB) disse que buscou apontar erros e equívocos dos outros candidatos durante o debate e que procurou se comportar com firmeza.

O servidor público Professor Luiz Piva (Psol) considera que o debate é o momento de cada candidato mostrar o seu lado com relação aos principais temas que envolvem o Paraná.

O advogado Ogier Buchi (PSL) que quase não participou do debate e conseguiu uma certidão do Tribunal Regional Eleitoral que garantiu a presença dele somente às oito e meia da noite disse que a possibilidade de não ser efetivado como candidato deixou ele preocupado.

Já o candidato Dr. Rosinha (PT) que por ser pouco perguntado nos primeiros blocos, chegou a dizer, que iria fazer uma pergunta para ele mesmo, considera que as regras do debate precisam ser pensadas para que todos tenham a mesma chance de responder.

Questionado sobre o formato do debate, o mediador, o jornalista Douglas Santucci, disse que a tv Band buscou uma dinâmica simples e que alguns candidatos responderam menos porque os outros pensaram em estratégias na hora de fazer as perguntas.

O debate teve cinco blocos com rodadas de perguntas e respostas. Começou às dez horas da noite e terminou à meia noite e meia.

Reportagem: Felipe Harmata/Narley Resende/Fernando Fogaça/Ana Tereza May

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*