Comerciantes de Curitiba esperam vender o mesmo do que em 2018 no Dia dos Pais

(Foto: Freepik)

As vendas do comércio para o dia dos Pais devem ter um crescimento de apenas 1% neste ano, em comparação com a data do ano passado. De acordo com uma pesquisa feita pela Datacenso encomendada pela Associação Comercial do Paraná, a previsão dos comerciantes não é muito otimista. 46% dos comerciantes esperam vender o mesmo; 40% esperam vender mais e 14% acreditam que venderão menos do que em 2018.

Conforme o levantamento, o consumidor curitibano pretende gastar R$ 135,00 em média por presente para os seus pais. O gasto em 2018 foi de R$ 129,00. O presente preferido para a data serão as roupas para 58% dos consumidores, seguido por calçados com 20%, almoço/jantar com 15% e perfumes e cosméticos por 14% da preferência dos consumidores. O local preferido para a compra para o Dia dos Pais será o shopping center para 52%, seguido por lojas na rua, com 25%; internet, 21% e no mercado 1%.

O consumidor curitibano demonstra confiança sobre a melhoria da economia nos próximos meses, sendo que 60% estão esperançosos, 25% estão preocupados e 15% estão desanimados. A pesquisa ACP/Datacenso foi realizada com 400 pessoas, sendo 200 comerciantes e 200 consumidores entre os dias 15 e 17 de julho, com grau de confiança de 95%.

A pesquisa também levantou o grau de confiança dos comerciantes para os próximos meses em relação ao crescimento da economia nacional. 75% responderam que estão esperançosos; 21% estão preocupados e 6% estão desanimados. De acordo com a pesquisa, 79% dos comerciantes não pretendem fazer investimentos nos próximos meses, enquanto 21% pretendem reformar seu ponto de venda ou ampliar seu estoque.

Reportagem: Thaissa Martiniuk