PolíticaGeral

Conselho de Ética julga processo contra vereador nesta terça (10)

Renato Freitas é acusado de quebra de decoro por participar de uma manifestação em fevereiro

 Conselho de Ética julga processo contra vereador nesta terça (10)

Foto: Carlos Costa/CMC

O julgamento que pode resultar na cassação do vereador Renato Freitas (PT) será retomado hoje (terça-feira, 10) à tarde na Câmara Municipal. O parlamentar responde por quatro representações que o acusam de quebra de decoro por participar de uma manifestação contra o racismo na Igreja do Rosário, em fevereiro. O júri, no Conselho e Ética da Casa, foi suspenso na sexta-feira (6) após a vereadora Maria Letícia (PV) pedir vista do processo, ou seja, mais tempo para analisar o parecer do relator Sidnei Toaldo (Patriota).

Se condenado, Freitas pode ser penalizado com uma censura pública, suspensão de prerrogativas regimentais, suspensão temporária do mandato e até mesmo a cassação por completo da função parlamentar.

Das quatro representações, três foram formuladas por colegas: os vereadores Eder Borges (PSD); Pier Petruzziello (PP); Pastor Marciano Alves e Osias Moraes, ambos do Republicanos; Todas as representações acusam Renato Freitas de ocupar a Igreja do Rosário e impedir o exercício da fé. Ao longo do processo e inclusive em depoimento ao Conselho de Ética, Renato Freitas rebateu as acusações. Ele negou ter liderado a manifestação e afirmou que nunca teve intenção de ofender o credo de ninguém.

A reunião do Conselho de Ética que decidirá hoje (terça-feira, 10) a penalização de Renato Freitas está programada para às 14h.

Reportagem: Leonardo Gomes.

Digiqole ad

felipe.costa

TRE-PR sedia teste dos sistemas de candidaturas e propaganda eleitoral

TRE-PR sedia teste dos sistemas de candidaturas e propaganda eleitoral

Evento é realizado em Curitiba de segunda (23) a sexta-feira (27)

Saúde presta contas ao Legislativo na terça (24)

Saúde presta contas ao Legislativo na terça (24)

Câmara deve discutir recomendação do uso de máscaras em ambientes fechados e com aglomeração

“Só Deus me tira do cargo”, diz Bolsonaro em Curitiba

“Só Deus me tira do cargo”, diz Bolsonaro em Curitiba

O presidente da República cumpre agenda em Curitiba durante este sábado (21)

E-mail racista teve remetente forjado, aponta Câmara

E-mail racista teve remetente forjado, aponta Câmara

Resultado preliminar foi apresentado ao TJ e justifica recurso que pode reverter suspensão de julgamento