NacionalEconomia

Copa do Mundo: Churrasquinho e cerveja estão mais caros

Preços de alimentos e bebidas aumentaram um ano, segundo a FGV

 Copa do Mundo: Churrasquinho e cerveja estão mais caros

Foto: Eduardo Peret/Agência IBGE Notícias

O Famoso churrasquinho brasileiro que acompanha os jogos da seleção está mais caro este ano. O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV) identificou que as carnes mais consumidas pelos brasileiros e as bebidas estão sim bem mais salgadas neste ano.

Veja mais:

As bebidas puxam o aumento, com pouco mais de 10,36% e entre elas a cerveja é o item que mais disparou, chegando a 11% na comparação entre outubro deste ano e do ano passado. É certo que houve aumento em muitos produtos, mas o índice calculado pelo instituto foi de 5,01% entre os meses de outubro, pelo IPC-M, o índice de preços ao consumidor – mercado que mede a variação de um conjunto fixo de bens e serviços que integram as despesas comuns de famílias com nível de renda entre 1 e 33 salários mínimos mensais.

Apesar disso, o doutor em Desenvolvimento Econômico e professor da Universidade Positivo (UP), Walcir Soares Junior, considera que a alta é reflexo dos últimos anos.

Entre as carnes, linguiça (6,38%) e contrafilé ficaram acima do índice de referência (5,56%) e a picanha também subiu mas dentro da média. (4,69%).

Comer fora também não é uma boa pedida para quem quer economizar, já que a alimentação na rua teve aumento de 8,06% desde o ano passado, como avalia o professor.

Uma das alternativas é o consumo da carne suína. Segundo o levantamento, a bisteca teve queda de 3,88%, o pernil, caiu 1,73% e a costela de porco diminuiu 1,54%. No quadro geral avaliado pelo Instituto Brasileiro de Economia da FGV os itens que subiram são compensados por outros itens que tiveram redução de valor.

A queda de quase 20% no custo da energia elétrica com a adoção da bandeira verde e de 3% nos serviços de comunicação puxou o custo pacotão Copa do Mundo para baixo com uma queda de 0,94%. Eletrodomésticos e eletrônicos, itens de decoração e esportivos tiveram aumento abaixo da inflação, com 2,51% para os eletrônicos, 2,69% para a decoração e 1,68% para os esportivos. Aqui o destaque fica com a geladeira que subiu 8,29%.

Reportagem: Amanda Yargas.

felipe.costa

Duas apostas dividem prêmio de R$ 152,8 milhões da Mega-Sena

Duas apostas dividem prêmio de R$ 152,8 milhões da Mega-Sena

Cinco apostas de Curitiba acertaram cinco dezenas. Cada uma vai receber R$ 45,1 mil

Números do Concurso 2562 da Mega-Sena

Números do Concurso 2562 da Mega-Sena

Prêmio principal do Concurso 2562 da Mega-Sena chega a R$ 152,8 milhões

Valores do Abono salarial do PIS-Passep já podem ser consultados

Valores do Abono salarial do PIS-Passep já podem ser consultados

Trabalhadores podem sacar o PIS-Passep a partir do dia 15 de fevereiro.

Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 160 milhões nesta quarta (08)

Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 160 milhões nesta quarta (08)

Apostas podem ser feitas até 19h e custam a partir de R$ 4,50