Nacional

Correios vão pedir CPF ou CNPJ para envio de encomendas

Medida entra em vigor a partir do dia 1º de setembro

 Correios vão pedir CPF ou CNPJ para envio de encomendas

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil/Arquivo

A partir do dia 1º de setembro, vai ser preciso fornecer CPF ou CNPJ para fazer o envio de encomendas nacionais. No caso de estrangeiros vai ser exigido o passaporte, na hora do atendimento. A medida vai se estender para qualquer encomenda nacional postada nos Correios. Sem essa identificação, os funcionários estão autorizados a recusar a postagem do pacote. Para as encomendas destinadas aos Lockers dos Correios e Clique e Retire, serão necessárias as informações habituais de remetente, como também o CPF, CNPJ ou passaporte e o telefone celular ou e-mail do destinatário. Antes de ir até a agência, é possível agilizar esse processo, acrescentando os dados nos sistemas de pré-postagem, no site dos Correios. Essas informações são obrigatórias e atendem à legislação tributária, que responsabiliza o remetente. A superintendente executiva de Canais de Vendas dos Correios, Paula Guinatti, diz que a medida serve para trazer maior segurança ao processo.

A empresa lembra que os dados não vão ficar expostos nas etiquetas. As informações vão ser incluídas somente nos sistemas de atendimentos e vão seguir todas as orientações sobre privacidade da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Atualmente, as informações de CPF ou CNPJ já são exigidas no caso de envios internacionais, conforme regulação aduaneira.

Band News Curitiba - 96,3 FM

A BandNews Curitiba está na cidade desde 2006. A emissora caiu no gosto do curitibano e, atualmente, está entre as dez rádios mais ouvidas da cidade.

Mega-Sena pode pagar R$ 115 milhões nesta quarta-feira (01)

Mega-Sena pode pagar R$ 115 milhões nesta quarta-feira (01)

Por se tratar de um concurso com final zero, o prêmio tem um adicional