CuritibaGeral

Curitiba sanciona lei de erradicação da pobreza menstrual

Texto prevê acesso gratuito a absorventes para pessoas em vulnerabilidade social

 Curitiba sanciona lei de erradicação da pobreza menstrual

Foto: reprodução.

A capital paranaense sancionou da lei de Erradicação da Pobreza Menstrual. O projeto cria diretrizes para que pessoas que menstruam e que estão em situação de vulnerabilidade tenham acesso gratuito a absorventes ou coletores menstruais. A iniciativa foi aprovada na Câmara Municipal no início de setembro.

Veja também:

Para o autor do texto, o vereador Dalton Borba (PDT), a lei é uma questão de dignidade.

Este não foi o primeiro projeto de combate apresentado na casa. Em março deste ano, a Câmara Municipal aprovou uma iniciativa da vereadora Maria Letícia (PV) que instituiu uma campanha de conscientização do ciclo menstrual.

Na ocasião, a parlamentar destacou como a falta de acesso ao item básico de higiene impacta o orçamento municipal.

A distribuição gratuita de absorventes depende agora da regulamentação por parte da prefeitura.

Reportagem: Larissa Biscaia.

felipe.costa

Mulher é detida em flagrante por injúria racial na Câmara

Mulher é detida em flagrante por injúria racial na Câmara

Ela fez comentários de cunho racistas contra um funcionário terceirizado

Curitiba tem horário especial em dia de jogo do Brasil

Curitiba tem horário especial em dia de jogo do Brasil

Confira o funcionamento dos serviços municipais nesta sexta de jogo do Brasil com a Croácia

Últimos dias de inscrições da Oficina de Música de Curitiba

Últimos dias de inscrições da Oficina de Música de Curitiba

Resultado da seleção deverá ser divulgado no dia 16 de dezembro

Campanha de Natal arrecada presentes para idosos, em Curitiba

Campanha de Natal arrecada presentes para idosos, em Curitiba

A ação é organizada pela entidade Socorro aos Necessitados