Dia Mundial sem Carro busca estimular o uso de outros meios de transporte

Avenida Getúlio Vargas Foto: Valdecir Galor/SMCS

Neste sábado (22) será celebrado o Dia Mundial Sem Carro, com o objetivo de estimular que as pessoas utilizem outro meio de transporte, como a bicicleta, durante a data. Só o Paraná tem mais de sete milhões de veículos, um aumento de 75% em dez anos. Com uma população de pouco mais de 11 milhões de habitantes, o que representa 0,62 veículos por cidadão paranaense, fica fácil supor que em mais dez anos teremos mais carros do que pessoas morando no Estado.

Em 2016, por exemplo, o motorista curitibano perdeu 83 horas parado em congestionamentos. De acordo com o Ceo da associação de empresas que atendem o transporte coletivo da Região Metropolitana de Curitiba (Metrocard), Ayrton Amaral, o setor busca atrações aos usuários, como, por exemplo, disponibilidade da internet nos veículos, para trocar o carro pelos ônibus.

Ele afirma que deixar o carro de lado é uma forma de “conhecer” mais o local que mora, além de ter mais qualidade de vida.

A data foi criada na França em 1997. O Dia Mundial Sem Carro promove a reflexão ao uso excessivo do automóvel, já que é responsável pela emissão de mais de 72% dos gases que causam o efeito estufa, como dióxido de carbono e metano.

Além disso, necessita de pelo menos cinco vezes mais energia para transportar um passageiro do que um ônibus. Outra consequência da grande quantidade de carros presentes nas vias públicas é a piora do trânsito. Quanto mais congestionado, maior o efeito nocivo à saúde mental e física da população.

Reportagem: Lorena Pelanda

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*