COLUNAS

Colunistas // Mirian Gasparin

Centro de Curitiba é a região mais buscada para locação comercial

 Diminui tempo de locação de imóveis comerciais em Curitiba

Foto: José Fernando Ogura/AEN

A retomada econômica pós-pandemia está se refletindo na velocidade de locação dos imóveis comerciais em Curitiba. De acordo com pesquisa que me foi enviada pelo Instituto Paranaense de Pesquisa e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário e Condominial (Inpespar), que integra o sistema Secovi-PR, as lojas comerciais alugadas em setembro, em Curitiba, demoraram em média 170 dias, ou pouco mais de cinco meses, bem abaixo do que se verificava antes da crise sanitária.

A título de comparação, em setembro de 2018, uma loja comercial levava em média 188 dias até ser locada aqui na capital. E cinco anos atrás, o tempo médio para alugar esse mesmo tipo de imóvel chegava a 214 dias, ou seja, mais de sete meses.

A mesma tendência tem sido verificada em relação a conjuntos e casas comerciais. No mês passado as locações de conjuntos comerciais demoraram 214 dias para serem efetivadas, enquanto que para as casas comerciais o prazo médio de aluguel ficou em 153 dias, bem abaixo dos quase 200 dias registrados antes da pandemia.

Na avaliação do presidente do Inpespar, o empresário Luciano Tomazini, a pandemia foi um momento muito difícil para os empreendedores e profissionais liberais, mas o que se vê hoje é uma economia em recuperação. É que com a retomada completa das atividades comerciais e da vida social da população, os empresários estão buscando espaços diferenciados para seus empreendimentos. Da mesma forma, novos negócios também estão sendo abertos.

Quanto aos bairros mais procurados pelos empresários que desejam alugar um imóvel comercial para seus negócios, em Curitiba, o Centro respondeu por mais de 30% das negociações realizadas no mês passado. Em seguida estão os bairros Água Verde com 11% dos negócios firmados, Batel com 8,8% e Bigorrilho e Centro Cívico, ambos com 3,5% das locações comerciais concretizadas.

A justificativa para o fato de que o centro da cidade continua sendo o local mais procurado para locações comerciais se deve à localização privilegiada, com fácil acesso via carro e ônibus, e também porque essa região costuma ter um número maior de imóveis comerciais disponíveis para aluguel em comparação com bairros mais afastados.

Confira a coluna em áudio:

Mirian Gasparin