Dona de Pet Shop é presa suspeita de assalto a joalheria

Uma microempresária de 46 anos, dona de um Pet Shop, foi presa nesta quarta-feira no bairro Sítio Cercado em Curitiba. A mulher tinha três mandados de prisão em aberto nas cidades de Icaraíma, noroeste do Paraná, Campo Largo, região metropolitana de Curitiba e ainda em Florianópolis, Santa Catarina.

Na capital catarinense, ela é suspeita de ter participado de um grande roubo contra uma joalheria. O caso aconteceu em 2008 e as joias furtadas foram avaliadas em 3 milhões de reais. Como era procurada pela Justiça, nos últimos anos a mulher se escondia em hotéis, casa de amigos e parentes.

Segundo a polícia civil, ela estaria vendendo o Pet Shop e iria fugir. A microempresária foi encaminhada para delegacia em Curitiba, onde permanece presa.

Reportagem: Alexandra Fernandes

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*