Duas mulheres de Terra Roxa são alvo de ação civil pública por descumprirem as medidas de isolamento social

Duas mulheres de Terra Roxa, no Oeste do Estado, foram alvo de ações civis públicas por descumprirem as medidas de isolamento social vigentes no município. Uma das mulheres, com 55 anos, assinou um termo de consentimento apresentado por um médico que suspeitou que ela estivesse infectada.

A mulher foi orientada e ficar em isolamento, mas descumpriu a medida. Ela esteve numa igreja da cidade. A outra mulher, também alvo da ação, tem 31 anos e mora com um homem que é um caso suspeito de infecção por coronavírus na cidade.

Segundo testemunhas, apesar da orientação médica para que ela permanecesse em isolamento, ela foi vista pelas ruas da Terra Roxa. Nos dois casos, o Ministério Público Estadual, conseguiu liminares para que as mulheres ficassem isoladas pelo período determinado pelas autoridades sanitárias. Em caso de descumprimento das decisões liminares, as mulheres podem pagar multas no valor de até R$2 mil.

Reportagem: Angela Luvisotto