Em 7 meses, operação prende 36 pessoas e soma mais de R$ 67 milhões em mercadorias apreendidas na Fronteira

Foto: divulgação/PMPR

Desde janeiro, 36 pessoas ligadas ao contrabando foram presas e mais de 344 quilos de maconha foram apreendidos no Rio Paraná, próximo a Ponte Ayrton Senna, em Guaíra, na fronteira com o Paraguai. As apreensões de cigarros, veículos e de outros materiais totalizam cerca de 67 milhões de reais.

Desde o início da semana, o policiamento na região tem sido intensificado com a Operação Integrada, que conta com ações da Polícia Federal e do Batalhão de Polícia de Fronteira. Segundo a PF, a medida tem como objetivo evitar a subida pelo Rio Paraná de produtos contrabandeados.

Para a ação, foi instalada uma Chalana, logo após a Ponte Ayrton Senna, que servirá de base para as lanchas da Polícia Federal e do Exército Brasileiro, que servirão para interceptar eventuais embarcações de criminosos. Estima-se que nos últimos 60 dias, com as fiscalizações, deixaram de subir pelo Rio Paraná cerca de R$ 1.500.000.000 em mercadorias ilícitas.

Foto: divulgação/PMPR