Ex-prefeitos de Araucária são condenados à prisão por compra irregular de terreno

(Foto: divulgação/ Prefeitura de Araucária)

Dois ex-prefeitos de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, foram condenados a 26 anos de prisão por crimes contra a administração pública. Rui Sérgio de Souza e Olizandro Ferreira eram réus em processos relacionados à Operação Sinecuras.

O Ministério Público do Paraná apura crimes cometidos na Prefeitura de Araucária entre os anos de 2013 e 2016. No processo que terminou com a condenação dos ex-prefeitos era investigada a compra superfaturada de um terreno. O lote de um alqueire, nas margens da PR-423, foi comprado pela Codar (Companhia de Desenvolvimento de Araucária) por R$ 1,84 milhão.

De acordo com a denúncia, o valor efetivamente pago foi de R$ 1,44 milhão. A diferença de 400 mil reais teria beneficiado os dois ex-prefeitos e outros agentes públicos. Rui Sérgio de Souza e Olizandro Ferreira foram condenados juntos a outras sete pessoas (três ex-diretores da Codar, dois corretores de imóveis e os dois proprietários do terreno investigado). Todos ainda podem recorrer da decisão.

Reportagem: Angelo Sfair