Flanelinha é preso no Batel após cobrar por vaga em via pública

Um guardador de carros foi detido após obrigar um motorista a pagar R$ 20 por uma vaga de estacionamento na rua. O caso aconteceu nesta terça-feira (09) à noite próximo a Praça da Espanha, no bairro Batel. Na delegacia, a polícia descobriu que o homem já possuía um mandado de prisão por furto e roubo. O diretor da Guarda Municipal de Curitiba, inspetor Cláudio Frederico de Carvalho, diz que a vítima não quis representar contra o flanelinha, que acabou levado à delegacia por outros crimes que já havia cometido.

O flanelinha foi encaminhado a Delegacia de Vigilâncias e Capturas. O inspetor reforça a orientação, de que é proibido exigir pagamento por estacionar em vaga pública. Quem se sentir pressionado ou coagido, deve ligar imediatamente para a Guarda Municipal, pelo 153, ou para a Polícia Militar, no 190.

Em Abril, o vereador Felipe Braga Côrtes protocolou na Câmara Municipal um projeto de lei para proibir a atividade dos ‘flanelinhas’ em Curitiba. Após muita repercussão, ele decidiu realizar audiências com as partes interessadas para avaliar a possibilidade de alteração da proposta, já que muitas pessoas são contra a proibição, mas a favor da regulamentação. Uma reunião está marcada para o mês que vem (agosto) no Ministério Público do Trabalho.

flanelinha