Instituto registra primeira pesquisa ao Senado com candidaturas consolidadas no Paraná

(Foto: divulgação)

O instituto Radar Inteligência deve divulgar no próximo sábado (18) uma pesquisa eleitoral com intenções de voto para o governo do Paraná e Senado Federal. A pesquisa foi registrada no domingo (12). O instituto deve entrevistar 1.494 eleitores entre até a próxima sexta-feira (17). Esta será a primeira pesquisa em que serão apresentados todos os nomes de candidatos ao Senado após aprovação em convenções partidárias.

O questionário trará os nomes dos candidatos ao Senado Alex Canziani (PTB), Beto Richa (PSDB), Flávio Arns (REDE), Gilson Mezarobba (PCO) Jacqueline Parmigiani (PSOL), Luiz Adão (DC), Mirian Gonçalves (PT), Nelton Friedrich (PDT), Professor Oriovisto (PODE), Roberto Requião (MDB), Rodrigo Reis (PRTB), Rodrigo Tomazini (PSOL), Roselaine Barroso Ferreira (PATRI) e Zé Boni (PRTB).

A lista traz o nome “Ana Barroso”, que foi anunciada à imprensa pelo PSL na semana passada como candidata ao Senado na chapa PSL/PATRIOTAS/PTC em um erro da assessoria. Na verdade, a única candidata da chapa é Roselaine Barroso Ferreira (PATRI), conforme registro em ata da convenção. A assessoria do PSL admitiu o erro e disse que houve uma confusão na hora de relatar o nome da candidata da chapa. Procurada, a assessoria do Instituto Radar não atendeu às ligações da reportagem.  O levantamento terá questionário para resposta espontânea e estimulada para o governo do Paraná.

O instituto vai apresentar os dez candidatos ao governo, após lista consolidada em convenções. As outras quatro pesquisas já divulgadas até agora consideraram a presença do ex-senador Osmar Dias (PDT), que desistiu da eleição. Amanhã (15), o Jornal Bem Paraná deve divulgar pesquisa do o Instituto IRG Consultoria. É a primeira pesquisa do ano com os dez candidatos ao Palácio Iguaçu, sem Osmar Dias.

Tanto a pesquisa Radar quando a IRG, vão trazer já as candidaturas ao governo são da governadora Cida Borghetti (PP), do ex-deputado federal Doutor Rosinha (PT), do empresário Geonísio Marinho (PRTB), do deputado federal João Arruda (MDB), do ex-vereador de Curitiba Professor Jorge Bernardi (REDE), do advogado Ogier Buchi (PSL), da professora Priscila Ebara Guimarães (PCO), do servidor público Professor Ivan Bernardo (PSTU), do servidor público Professor Piva (PSOL), do deputado estadual Ratinho Junior (PSD).

A pesquisa Radar também perguntará vai medir o índice de rejeição dos candidatos ao governo e ao Senado. O registro da pesquisa Radar no Tribunal Regional Eleitoral é PR-04317/2018. Segundo o registro, o levantamento é contratado pelo próprio instituto e custará R$ 50 mil.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*