ParanáGeral

Maior ala de tratamento à Covid-19 no Paraná é desativada

 Maior ala de tratamento à Covid-19 no Paraná é desativada

Foto: Leonardo bettinelli/UFPR

Começou a ser desativada a maior ala de tratamento à Covid-19 no Paraná. A unidade fica no Hospital de Clínicas (HC) em Curitiba e em momentos mais intensos da pandemia, chegou a ter 273 leitos exclusivos ocupados: 180 de enfermaria e 93 de UTI. Nesta terça-feira (17), a unidade tinha apenas 3 pacientes internados, todos em fase de conclusão do tratamento. A superintendente do Complexo Hospital de Clínicas, Claudete Reggiani, diz que o fechamento das unidades exclusivas para o tratamento da doença é celebrado no hospital.

A unidade de tratamento à Covid-19 do HC chegou a ocupar 7 andares inteiros do complexo médico, além de 2 andares na Maternidade Victor Ferreira do Amaral, que também é gerida pelo HC. A superintendente, que também é médica cirurgiã, credita o arrefecimento da pandemia, que possibilitou a desativação das unidades, à expressiva vacinação contra a doença no Paraná. Ela diz não temer, ao menos por enquanto, a nova onda da doença, que acontece nos países europeus.

Para atender a alta demanda, o Hospital de Clínicas suspendeu a realização das cirurgias eletivas – na esteira da proibição da Secretaria de Estado da Saúde. Com isso, quase a metade dos profissionais do hospital foram realocados para o combate à Covid-19. Agora, os cerca de 1500 profissionais voltam a atender as especialidades de origem. Quinze respiradores adquiridos durante a pandemia, agora reforçam a infraestrutura do hospital, no atendimento a outras especialidades. Com a baixa demanda de casos de Covid-19, os profissionais temporários, contratados em regime de urgência via processo seletivo simplificado, começaram a ser demitidos no mês passado. A tendência é que os cerca de 300 profissionais temporários que ainda integram esse quadro emergencial, sejam demitidos até o final do ano.

Reportagem: David Musso

David Musso

Apresentador | Repórter | Jornalista | Twitter: @drmusso

91% das obras da Ponte da Integração já estão concluídas

91% das obras da Ponte da Integração já estão concluídas

A previsão é que os trabalhos terminem em dezembro deste ano

Monkeypox: Londrina e Foz do Iguaçu confirmam primeiros casos

Monkeypox: Londrina e Foz do Iguaçu confirmam primeiros casos

Os municípios se juntam a Curitiba, Araucária, Cascavel e Maringá, que também registraram infecções

Dengue: primeiro boletim confirma 107 casos no Paraná

Dengue: primeiro boletim confirma 107 casos no Paraná

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, 19 das 22 regionais já têm casos notificados

PF faz operação contra tráfico de drogas em Cascavel

PF faz operação contra tráfico de drogas em Cascavel

Quadrilha usava empresas de fachada para realizar remesses de droga para outros estados