Ministério Público treina policiais para receber denúncias de infrações eleitorais

(Foto: divulgação/Disque Denúncia 181)

Cerca de 50 policiais militares e civis estão sendo capacitados pelo Ministério Público Federal para atuar contra crimes eleitorais. Os policiais atuam no Disque Denúncia Paraná, o 181, que desde o mês de agosto passou a receber denúncias de infrações cometidas durante o período das eleições.

As denúncias são recebidas pela central de atendimento, que funciona 24 horas por dia, registrando e dando encaminhamento para cada uma delas. De acordo com o procurador regional eleitoral, Alessandro José Fernandes, o objetivo da ação é informar os policiais sobre os tipos de irregularidades que podem ser objeto de denúncia.

Entre os principais tipos de infrações estão corrupção eleitoral, boca de urna e transporte irregular de eleitores. As denúncias eleitorais recebidas no 181 são encaminhadas à Procuradoria Regional Eleitoral, a quem compete fiscalizar o cumprimento da legislação, investigar a veracidade das informações enviadas pelos eleitores e propor as respectivas ações.

O procurador falou ainda que os policiais que fazem o atendimento no 181, depois do treinamento, estarão aptos a identificar notícias falsas relacionadas às eleições.

De acordo com Alessandro Fernandes, o objetivo é evitar situações em que partidos e coligações repassem informações inverídicas com o intuito de prejudicar um ou outro candidato.

Para fazer uma denúncia de infrações eleitorais, a pessoa deve informar corretamente o nome do candidato, o local onde está acontecendo a irregularidade e, se possível, coletar ou indicar provas e testemunhas. A central atende todo o Paraná. As ligações são gratuitas e o denunciante não precisa se identificar. A denúncia pode ser feita pelo telefone 181 ou também pelo site: www.181.pr.gov.br.

Reportagem: Thaissa Martiniuk

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*