Moradores do Barreirinha reclamam de falta de água constante na região

Crédito: Pedro França/Agência Senado

A queda no abastecimento de água em algumas áreas do Barreirinha tem mudado a rotina dos moradores da região. Embora a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) normalmente emita boletins informando sobre a falta de água em pontos da cidade, de acordo com alguns consumidores, a informação não tem sido repassada – e a frequência de interrupção do abastecimento tem aumentado. A jornalista Patrícia Gomes mora no bairro há mais de 40 anos. Ela conta que o problema se agravou nos últimos meses.

Entre as justificativas já recebidas pela moradora estão obras emergenciais e a queda de energia no sistema de bombeamento da água. Ela relata que, mesmo com a caixa d’água no imóvel, a falta é inevitável. Isso porque, com a frequência do corte de abastecimento, não dá tempo de encher as caixas para manter o estoque.

A situação atinge também o comércio da região. A manicure Rafaele Modesto trabalha em um salão de beleza do bairro e diz que desde o início do verão o problema se agravou.

A administradora Silvia Sanches também tem sofrido com a interrupção do abastecimento. Ela destaca o início do verão como a fase em que problemas começaram.

Nos avisos de parada de abastecimento do site da Sanepar para hoje (16) e amanhã (17) o Barreirinha não aparece como um dos bairros afetados por uma obra que está sendo feita. Ou seja: embora os moradores tenham ficado sem água nesta quarta-feira (16), esse corte não estava previsto. Contatada, a Sanepar afirma que vai verificar a situação dos clientes e deve emitir uma nota sobre o assunto assim que possível.

Reportagem: Ana Flavia Silva

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*