ParanáGeral

MP identifica 71 pessoas de participação em atos antidemocráticos

MP do Paraná recebeu 140 denúncias por e-mail, telefone e site

 MP identifica 71 pessoas de participação em atos antidemocráticos

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Paraná (MPPR) enviou ao Ministério Público Federal (MPF) informações sobre 71 pessoas suspeitas de participação nos atos antidemocráticos em Brasília. Os identificados foram denunciados por e-mail, telefone e site ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

Veja mais:

De acordo com o MPPR, foram recebidas 140 denúncias relativas a possíveis participações em atos antidemocráticos. Foram analisadas 108 situações individuais. Destas, 37 não tinham consistência considerada suficiente, restando as 71 pessoas com indícios de atuação ilegal.

As informações agora serão analisadas pelo Grupo Estratégico de Combate aos Atos Antidemocráticos. É o que detalha o coordenador do Gaeco, Leonir Batisti.

Entre os casos encaminhados ao MPF, 24 foram de possíveis participantes ou executores de atos ilegais (especialmente as ações de vandalismo ocorridas no dia 8 de janeiro em Brasília), 17 de supostos financiadores, 29 que teriam instigado ou incitado ilegalidades e uma autoridade do estado do Rio de Janeiro que teria se omitido das funções durante as ações ilícitas.

Reportagem: Redação

Giovanna Retcheski

Clima reduz, mas previsões indicam expectativa de boa safra

Clima reduz, mas previsões indicam expectativa de boa safra

Neste verão, devem ser alcançadas 24 milhões e setecentas mil toneladas no Paraná

BR-376: 12 quilômetros de fila, no sentido Santa Catarina

BR-376: 12 quilômetros de fila, no sentido Santa Catarina

Fila estava concentrada em Guaratuba, no Litoral do Paraná

BR-277: 8 quilômetros de fila em Morretes, no sentido Paranaguá

BR-277: 8 quilômetros de fila em Morretes, no sentido Paranaguá

Permanece o desvio operacional, na Serra do Mar, no quilômetro 42