ParanáGeral

MP pede suspensão de obras de hidrelétricas em Cianorte

Segundo a promotoria, o licenciamento ambiental dos empreendimentos precisa ser refeito desde o início

 MP pede suspensão de obras de hidrelétricas em Cianorte

Foto: Divulgação/Copel – Arquivo

Com as licenças ambientais vencidas desde 2019, o Ministério Público pediu a suspensão das instalações de duas usinas hidrelétricas na bacia do Rio Ligeiro, em Cianorte, na região noroeste do Paraná. Segundo a 4ª Promotoria de Justiça do município, o Instituto Água e Terra (IAT) teria a intenção de permitir o avanço das obras, mesmo com riscos ambientais aos rios Ligeiro e Ivaí. O pedido de suspensão foi feito de forma extrajudicial.

Segundo o MP, a documentação vencida envolve uma Pequena Central Hidrelétrica (PCH) e uma Central Geradora Hidrelétrica (CGH). A promotoria avalia que é necessário atualizar as autorizações da PCH Cianorte e da CGH Nossa Senhora de Fátima para que as obras ocorram dentro da legalidade. Como os procedimentos estão expirados desde 2019, o IAT deverá iniciar os licenciamentos desde o início, com a realização de novas pesquisas que embasem o Estudo Prévio de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental de cada empreendimento.

Reportagem: Angelo Sfair.

felipe.costa

Estrada da Graciosa segue interditada, mas alguns acessos são liberados

Estrada da Graciosa segue interditada, mas alguns acessos são liberados

Segundo o DER-PR, uma trinca se abriu no quilômetro 7 da Estrada da Graciosa

Chuvas afetam abastecimento de água em SJP e Piraquara

Chuvas afetam abastecimento de água em SJP e Piraquara

O aumento da turbidez da água acarretou na suspensão da captação para manter a qualidade

Polícia Civil abre inquérito para apurar deslizamento na BR-376

Polícia Civil abre inquérito para apurar deslizamento na BR-376

Objetivo é apurar causas e possíveis responsabilidades sobre o acidente. Ainda não há previsão de

Vistoria define os próximos passos para a liberação da BR-376

Vistoria define os próximos passos para a liberação da BR-376

Avaliação é realizada neste sábado (3), pela equipe da concessionária que administra o trecho