Operação tem como foco quadrilha de estelionatários que agia no Paraná e em São Paulo

Pelo menos 30 empresas foram vítimas de uma quadrilha de estelionatários no Paraná e em São Paulo. Os prejuízos passam de mais de R$ 8 milhões. Para combater esse tipo de crime, empresas e residências são alvos de uma operação deflagrada nesta terça-feira (25) em Curitiba, Foz do Iguaçu, Cascavel e São Paulo. A ação é comandada pela Polícia Civil do Paraná, que cumpre mandados de busca e apreensão nessas cidades.

Os mandados foram concedidos pela Justiça Estadual e têm como alvo empresas e residências ligadas a um grupo criminoso que deu um golpe milionário em março deste ano. A prisão preventiva do responsável pela quadrilha, foi decretada pela Justiça Estadual e ele está foragido no Líbano. O bloqueio de bens e ativos do grupo criminoso também foi decretado.

De acordo com a polícia, ele criou uma pessoa jurídica para obter crédito junto a fornecedores de alimento, vestuário, alumínio, produtos de beleza, eletroeletrônicos, entre outros, com o objetivo de fraudar essas empresas e revender essa mercadoria abaixo do preço do mercado. A ação dos suspeitos durou cerca de cinco meses.

Reportagem: Lorena Pelanda

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*