NacionalEsportes

País da Copa tem a cerveja mais cara do mundo

Brasil tem uma das quatro cervejas mais baratas da América Latina

 País da Copa tem a cerveja mais cara do mundo

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Brasil tem a quarta cerveja mais barata da América Latina. É o que aponta um levantamento da HelloSafe. Atualmente, o valor médio da bebida está em cerca de R$ 6 aqui no Brasil. Paraguai, Panamá e Colômbia aparecem como os países com a cerveja mais barata no continente. Já no Uruguai, por exemplo, o preço médio está acima dos R$ 9.

No cenário mundial, o Brasil fica em 46º lugar. O Catar é o país com a cerveja mais cara do mundo, segundo o levantamento. A bebida ultrapassa os R$ 34 na sede da Copa do Mundo de 2022. Mas, de acordo com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o preço da bebida no Brasil está subindo mensalmente desde outubro de 2020.

Indústria da cerveja unida para o fortalecimento do setor

O setor brasileiro da cerveja movimenta uma das extensas cadeias produtivas do País responsável por 2,02% do PIB, geração de mais de 2 milhões de empregos diretos, indiretos e induzidos. São mais de 1.600 cervejarias que integram esse ecossistema que tanto contribui para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Para fortalecer ainda mais esse pujante setor, o Sindicato Nacional da Indústria da Cerveja — Sindicerv, e a Abracerva – Associação Brasileira da Cerveja Artesanal, assinaram Termo de Cooperação, neste ano. O acordo prevê a parceria e cooperação entre as entidades em prol dos principais temas de interesse da indústria da cerveja, como o aprimoramento da qualidade na fabricação, a educação e cultura cervejeira, a livre concorrência, a sustentabilidade e o consumo responsável no país.

“A aproximação com Abracerva é um primeiro passo para construção de uma agenda iniciada no Congresso. Podemos trabalhar juntos em muitas questões, da realização de eventos como esse até pautas voltadas a legislação e tributos”, afirma o presidente do Sindicerv, Mauro Homem.

LEIA TAMBÉM

“A Organização Mundial da Saúde acaba de aprovar em Assembleia Geral a atualização da Estratégia Global para Redução do Consumo Nocivo de Álcool. O Brasil tem avançado muito nas principais iniciativas a favor do consumo responsável e moderado de bebida alcóolica”, ressalta o diretor de Relações Institucionais da Ambev, Rodrigo Moccia.

O Sindicato Nacional da Industria da Cerveja é a entidade que representa as empresas responsáveis por cerca de 80% da produção de cerveja no Brasil. Atua continuamente para o debate de regulamentos, leis, normas, políticas públicas e práticas que contribuam com o desenvolvimento da indústria e suas respectivas cadeias produtivas.

A Abracerva – Associação Brasileira de Cervejarias Artesanais é a entidade sem fins lucrativos que atua nacionalmente em defesa dos interesses das cervejarias independentes e do mercado de cervejas artesanais. É a maior entidade do setor em número de associados, representando 800 pequenas cervejarias, brewpubs, bares, distribuidores, fornecedores e profissionais que trabalham diretamente com cervejas artesanais.

Fonte: Band e @sindicerv

Cleverson Bravo

Prova de travessia a nado de Guaratuba é retomada

Prova de travessia a nado de Guaratuba é retomada

Após 12 anos, atividade tradicional paranaense acontece neste final de semana. A competição faz parte

Velório de Pelé será aberto ao público na segunda-feira (02)

Velório de Pelé será aberto ao público na segunda-feira (02)

Despedida ao Rei acontece no gramado da Vila Belmiro, em Santos