PolíticaEleições

Paraná registra 1.565 registros de candidatura

56% dos candidatos buscam uma vaga na Assembleia Legislativa

 Paraná registra 1.565 registros de candidatura

Foto: Antonio Augusto/secom/TSE

O Paraná recebeu 1.565 registros de candidatura para as eleições de 2022. O prazo se encerrou no último dia 15 de agosto, conforme o Calendário Eleitoral. O número é maior em relação às últimas eleições federais. Em 2018, o estado teve 1.288 candidaturas. Na análise do juiz membro da corte do Tribunal Regional Eleitoral, Thiago Paiva dos Santos, a população está mais interessada na atuação no poder público. Além disso, ele defende que o aumento está ligado ao fim das coligações partidárias para as eleições proporcionais.

Segundo a legislação eleitoral, o dia 12 de setembro é o limite para que todos os pedidos de registro de candidaturas sejam julgados pela Justiça Eleitoral. Este também é o prazo final para eventuais recursos. É possível consultar os números ou o andamento da candidatura pelo sistema DivulgaCandContas. É preciso selecionar a região, o estado e o nome da candidata ou candidato.

O juiz explica os critérios para a rejeição.

O cargo mais buscado é de deputado estadual, com 882 candidatos e candidatadas. O número equivale a 56% do total. Além disso, nove pessoas disputam o cargo de governador, dez para senador, 635 para a deputado federal. Em 2018, as vagas na Assembleia Legislativa também foram as mais procuradas, com 767 registros.

Reportagem: Larissa Biscaia.

felipe.costa

Eleições 2022: em Brasília, Ratinho defende reeleição de Bolsonaro

Eleições 2022: em Brasília, Ratinho defende reeleição de Bolsonaro

Governador afirma que mais de 70% dos prefeitos do Paraná vão apoiar Bolsonaro

TSE promete medidas para evitar filas no 2º turno

TSE promete medidas para evitar filas no 2º turno

Filas foram registradas em todo o país neste domingo (02)

Dallagnol declara apoio a Jair Bolsonaro no segundo turno

Dallagnol declara apoio a Jair Bolsonaro no segundo turno

Assim como ele, o ex-juiz Sérgio Moro também se manifestou a favor de Bolsonaro