ParanáGeral

PF investiga empresa suspeita de danos ambientais em Matinhos

Investigação analisa a conduta de empresa que estaria fazendo mineração de areia de forma irregular

 PF investiga empresa suspeita de danos ambientais em Matinhos

Foto: Diculgação/ Polícia Federal

A Polícia Federal realiza hoje (26) uma operação de combate a crimes ambientais no Paraná. Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Matinhos, no litoral.

A investigação, que acontece desde 2019, analisa a conduta de uma empresa de terraplanagem que estaria fazendo mineração de areia de forma irregular, sem autorização ou licença dos órgãos competentes. E essa atividade estaria causando sérios danos ao meio ambiente, com uma área de 144 mil metros quadrados impactada.

Veja mais:

De acordo com a polícia, além da extração irregular de areia, a empresa teria suprimido áreas de vegetação da Mata Atlântica, modificado topografias de terreno e causado danos ao habitat de animais silvestres. Os prejuízos são estimados em pelo menos R$ 2 milhões.

Ainda segundo as investigações, ficou confirmada a falta de autorização para a atividade minerária e, de 2012 pra cá, os suspeitos teriam sido autuados várias vezes por infrações contra o meio ambiente. O próximo passo agora é identificar todos os responsáveis pela atividade, além de compradores de minérios e beneficiários dos serviços prestados pela empresa.

Depois o caso será encaminhado para o Ministério Público e para o Poder Judiciário Federal para responsabilização dos envolvidos.

Reportagem por Vanessa Fontanella

jully.mendes

Litoral paranaense tem alerta vermelho para acumulados de chuva

Litoral paranaense tem alerta vermelho para acumulados de chuva

Há risco de alagamentos, transbordamento de rios e deslizamentos, com chuva de até 100 mm/dia

Guarapuava volta a exigir máscaras em caso de sintomas respiratórios

Guarapuava volta a exigir máscaras em caso de sintomas respiratórios

O uso também é obrigatório no aeroporto, em hospitais e outros estabelecimentos de saúde

Cadeira Anfíbia: profissionais são capacitados para o uso do equipamento

Cadeira Anfíbia: profissionais são capacitados para o uso do equipamento

As cadeiras anfíbias permitem o acesso de pessoas com deficiência à areia e ao mar

Expectativa de vida aumenta para 78,5 anos no Paraná

Expectativa de vida aumenta para 78,5 anos no Paraná

Com o censo populacional defasado, os dados ainda não consideram a pandemia do coronavírus