Porto de Paranaguá tem movimentação recorde de cargas refrigeradas

(Foto: reprodução/ Facebook Terminal de Contêineres de Paranaguá)

O Porto de Paranaguá, no litoral do estado, atingiu a maior marca de movimentação de cargas refrigeradas no mês de maio,  contabilizando 8.442 contêineres embarcados, maior volume desde junho de 2017. As cargas são compostas, entre outros, por carnes, frutos do mar, peixes e produtos de origem animais, e têm origem no interior do Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, e como principais destinos a Ásia, Europa e Oriente Médio.

O coordenador comercial do Terminal de Contêineres de Paranaguá,  Giovanni Guidolim de Souza, atribuiu o resultado às características únicas que o Porto de Paranaguá oferece no sul do Brasil, além em ter o maior parque de tomadas reefer (RIFER) no seguimento.

Ele destaca como funciona a logística das cargas até seu destino final.

Giovanni diz que além das cargas refrigeradas o terminal de contêineres está preparado para receber volume ainda maior de cargas.

O Terminal de Contêineres do Porto de Paranaguá é o maior corredor logístico de exportação de carnes do mundo. Uma obra de ampliação do cais e do pátio do Terminal de Contêineres de Paranaguá,  está em fase final e deve  refletir no aumento da movimentação de cargas, passando dos atuais 1,5 milhão de contêineres/ano para 2,5 milhões de unidades/ano. A projeção é que a ampliação atenda a demanda do comércio exterior pelos próximos 30 anos.

Reportagem: Fábio Kiil