Portos do Paraná batem recordes em movimentação de cargas e de exportações

Foto: Claudio Neves/Portos do Paraná

Os Portos do Paraná atingiram vários recordes no primeiro semestre deste ano, principalmente no número de cargas e de exportações. Os Portos do Estado movimentaram 28,1 milhões de toneladas de cargas, 13% maior que o número registrado nos terminais de Paranaguá e Antonina, no mesmo período do ano anterior.

As exportações tiveram um crescimento de 18%. Aproximadamente 18 milhões de toneladas de cargas saíram do Brasil pelos portos paranaenses. No ano passado, esse volume foi de 15,7 milhões de toneladas.

De acordo com o diretor- presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, vários fatores contribuíram para o crescimento das atividades nos portos do Estado.

A exportação de soja respondeu por 33% de toda a movimentação de 2020. Foram 9,2 milhões de toneladas carregadas. Alta de 59% em relação ao volume exportado em 2019. O açúcar, embarcado em saca e granel, teve o maior crescimento: 70%.

Este ano, mais de 1,5 milhão de toneladas foram carregadas. Os derivados de petróleo apresentaram alta de 64%, com um volume movimentado de quase 366,8 mil toneladas, no primeiro semestre. Nos óleos vegetais, principalmente de soja, o aumento foi de 45%. As importações nos portos paranaenses cresceram 4% no primeiro semestre.

Cerca de 9,6 milhões de toneladas de cargas entraram no Brasil pelos portos de Paranaguá e Antonina. As maiores altas foram registradas na movimentação de carga geral que corresponde a 12% e fertilizantes, 8%.

Reportagem: Taís Santana