COLUNAS

Colunistas // Antonio Carlos da Silva

O modelo já está à venda no Brasil como automóvel elétrico mais acessível do mercado

 Renault: Kwid E-Tech é a nova aposta para mobilidade elétrica

Foto: divulgação

A Renault está apostando na mobilidade elétrica e o Brasil não está fora de sua estratégia. Depois de ter introduzido o Zoe no mercado nacional, este que é o carro elétrico mais vendido na Europa, agora outros modelos estão chegando, de mais populares a mais sofisticados.

Agora está sendo a vez do pequeno Kwid e-tech, que já está a venda no Brasil como o automóvel elétrico mais acessível do mercado nacional. Um primeiro lote de 750 unidades foi vendido em poucos dias e agora os compradores começam a receber os seus carros. Um novo lote chega até o final deste ano, e a Renault está apostando neste carro como uma boa imagem da marca. E também apresentou para o Brasil o Megane elétrico, lançado há pouco na Europa e que está chegando ao país. Ainda na gama dos elétricos, logo chega o novo Kangoo e a van Master. A Renault aposta muito neste segmento de transporte, pois são veiculos que a autonomia é mais do que suficiente para trabalhos em centros urbanos.

O Kwid e-tech, que logo começa a aparecer nas concessionárias, é o automóvel elétrico mais indicado para o uso urbano. Tem uma bateria com autonomia próxima dos 300 quilômetros, mais do que suficiente para o uso nas cidades por três ou quatro dias sem a necessidade de carregamento. E quando isso é necessário, basta conectar o carro a uma tomada simples de casa, a mesma que pode ser usada para o aspirador de pó ou uma cafeteira.

Ouça o boletim completo:

Antonio Carlos da Silva para a BandNews FM

Antonio Carlos da Silva