Sistema que reduz automaticamente velocidade de ônibus diminui acidentes em Curitiba

(Foto:Cesar Brustolin/SMCS)

Um sistema inédito que diminui automaticamente a velocidade dos ônibus biarticulados reduziu pela metade os acidentes com esses veículos em Curitiba. Os dados foram divulgados pela montadora Volvo, que fornece os ônibus para a prefeitura. A tecnologia GPS instalada nos veículos reconhece os trechos do percurso com maior risco de colisões, como as proximidades de escolas, hospitais e terminais de ônibus.

Nesses trechos, o motorista não consegue acelerar o veículo acima da velocidade máxima permitida, nem que pise fundo no pedal. O resultado foi que, durante o ano de 2018, o número de colisões dos veículos caiu 50% em relação ao ano anterior. Os dados se referem apenas ao trecho por onde circula o Ligeirão Norte, que vai do terminal Santa Cândida à Praça do Japão. Segundo o presidente da Volvo, Fabiano Todeschini, todos os ônibus produzidos atualmente pela montadora têm essa tecnologia de frenagem automática.

A ideia é estender a redução da velocidade para outras linhas da cidade. Na semana passada, outros biarticulados com o equipamento foram entregues ao sistema de transporte público de Curitiba, em linhas como o Circular Sul e Boqueirão. O sistema de frenagem automático e a distância para áreas de risco também já pode ser acionado nesses veículos.

Reportagem: Estelita Carazzai