Torcedores do Athletico relatam problemas com clonagem de cartão após compra de ingresso para Sul-Americana

Foto: Clube Atlético Paranaense/ divulgação

O Athletico Paranaense pode ser responsabilizado na Justiça por uma série de clonagens de cartões de crédito. Os relatos sobre as fraudes que vitimam torcedores do clube começaram nesta semana. A suspeita é de que foram vazados os dados dos torcedores que compraram ingressos para as fases finais da Copa Sul-Americana. Sócios do furacão e pessoas que compraram em lojas oficiais do clube também estão entre as vítimas das clonagens.

A atleticana Nahjla Azevedo está entre as pessoas que tiveram problemas. Ela é sócia-torcedora, mas usou o cartão de crédito para comprar ingressos para a semifinal do torneio sul-americano. Ironicamente, ele recebeu o primeiro sinal de que algo não estava certo quando tentou comprar uma camisa do Athletico e teve o cartão recusado. No final deste mesmo dia, em casa, ela foi acessar um serviço de streaming de vídeos (Netflix), mas recebeu a mensagem de que a mensalidade não havia sido paga. Foi quando Nahjla ligou para a operadora do cartão do cartão de crédito e descobriu que havia sido vítima da fraude.

Ela não ligou a clonagem do cartão com o clube até começar a ouvir os relatos de outros torcedores que também tiveram problemas. Depois disso, Nahjla até chegou a contatar o clube, mas não teve retorno. Ela ainda não decidiu se irá, ou não, acionar o clube na Justiça. A coordenadora do Procon-PR, Claudia Silvano, explica que a responsabilidade é tanto da empresa terceirizada responsável pela venda de ingressos quanto do Athletico Paranaense.

Por meio de nota, o Athletico afirma que a reponsabilidade pelos dados é da empresa terceirizada Gateway. O clube diz ainda que pediu à administradora do sistema informatizado de ingressos uma análise dos casos de vazamento.

Reportagem: Angelo Sfair e Ana Flavia Silva

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*