Vale da música traz shows diariamente na Ópera de Arame

(Foto: reprodução/Facebook)

A partir de sexta-feira (21) a Ópera de Arame passa a receber diariamente apresentações musicais fora do palco principal. Os shows vão acontecer em um lugar bem diferente: sobre um palco flutuante. Este é o projeto Vale da Música. De acordo com Hélio Pimentel, que é vice-presidente de operações do Parque das Pedreiras, a intenção é valorizar a música e o espaço cultural.

Para o início do projeto foram convidados 50 músicos. Estão programados quase 800 shows durante o ano, com um repertório bem eclético.

O Vale da Música recebeu um investimento de R$ 3 milhões de reais e teve o incentivo da Lei Rouanet. As apresentações vão acontecer de terça a domingo, das 10 da manhã às seis da tarde.

Serão três shows diários de terça a quinta, e quatro de sexta a domingo. As entradas vão custar R$ 10 a inteira e R$ 5 a meia. Para incentivar a cultura, os moradores de Curitiba, vão pagar meia entrada.

O projeto quer ocupar o espaço da Ópera de Arame durante o dia. Para isto, o palco flutuante também é uma atração à parte. Trata-se de uma balsa de aço de 48 metros quadrados, que comporta até seis músicos. Ele ainda possui uma cobertura transparente, para que se possa visualizar os músicos de todos os lados.

Reportagem: Alexandra Fernandes

Foto: Orlando Kissner/SMCS(arquivo)

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*