PolíticaEleições

Voto em trânsito: eleitores têm um mês para solicitação

Prazo vale também para eleitores com dificuldade de mobilidade

 Voto em trânsito: eleitores têm um mês para solicitação

Foto: Flickr

Os eleitores têm até o dia 18 de agosto para solicitação do voto em trânsito. A função é para que o cidadão vote em uma cidade diferente da qual está registrada como domicílio eleitoral. O prazo foi aberto nesta segunda-feira (18) pelo Tribunal Superior Eleitoral. No Paraná, a solicitação pode ser feita em até doze cidades diferentes.

A coordenadora de comunicação do Tribunal Regional Eleitoral, Rubiane Kreuz, destaca que a opção só é válida para municípios com mais de 100 mil eleitores.

No Paraná, o voto em trânsito pode ser feito em: Curitiba, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Cascavel, São José dos Pinhais, Foz do Iguaçu, Colombo, Guarapuava, Paranaguá, Araucária e Toledo. Além disso, eleitores com dificuldade de mobilidade têm o mesmo prazo para pedirem eventuais alterações nos locais de votação.

A coordenadora lembra que o voto é um direito e um dever.

Para pedir o voto em trânsito ou recursos de acessibilidade é preciso ir presencialmente ao Cartório Eleitoral, com um documento original com foto. O primeiro turno das eleições está marcado para o dia 02 de outubro. Em caso de segundo turno, os eleitores retornam às urnas três semanas mais tarde, no dia 30 de outubro.

Reportagem: Larissa Biscaia.

felipe.costa

Curitiba: recomposição salarial de servidores segue para sanção

Curitiba: recomposição salarial de servidores segue para sanção

Vereadores aprovaram reajuste de 7,17%, com base à inflação dos últimos 12 meses

Alep aprova aumento do ICMS no Paraná

Alep aprova aumento do ICMS no Paraná

Segundo o texto, a alíquota modal do tributo deve passar de 18% para 19%

Aumento do ICMS é votado nesta terça (29) na Alep

Aumento do ICMS é votado nesta terça (29) na Alep

Proposta deve aumentar em R$ 1,1 bilhão a arrecadação do Estado

Deputados votam criação de 493 cargos e aumento do ICMS

Deputados votam criação de 493 cargos e aumento do ICMS

Projetos fazem parte de pacote enviado pelo governador Ratinho Junior (PSD) à Casa