Policial militar é morto a tiros ao atender ocorrência na CIC

(reprodução/arquivo pessoal)

A polícia tenta identificar e localizar os envolvidos na morte de um policial militar, executado ontem (06) à noite, na Cidade Industrial de Curitiba. O soldado Erick Norio, do 23º Batalhão, foi atingido por pelo menos dois disparos: um deles acertou o colete balístico, mas o outro atingiu uma parte desprotegida do peito. Junto com um colega, o soldado foi até a Vila Corbélia para atender uma ocorrência de perturbação de sossego.

Foi por volta da 0h15. Moradores de uma casa estariam com o som muito alto. Assim que chegaram ao local, os policiais avistaram uma moto que consideraram suspeita. Assim que o soldado Erick desembarcou da viatura, foi baleado. É o que relata o capitão Araújo, do 23º Batalhão.

O policial foi encaminhado a UPA da CIC, mas, não resistiu aos ferimentos. Não se descarta a hipótese de que ele tenha sido vítima de uma emboscada. Várias viaturas passaram a patrulhar a região e a fazer buscas, mas, ninguém foi encontrado. A região de invasão é considerada perigosa.

Erick Norio estava na corporação há cinco anos. Ele era casado e deixa um filho de quatro anos.

Reportagem: Ricardo Pereira

(Foto: colaboração/WhatsApp)

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*